Quando me perdi, me encontrei – Líder de Si

IMG_1302Aos vinte cinco anos me olhei no espelho e vi uma pessoa que eu não queria ser. Eu tinha exatamente tudo para ser uma pessoa muito feliz, mas não era assim que me sentia. Compreendi da pior maneira possível, quando todos já tinham percebido exceto eu mesma, que aquela eu não poderia continuar dali para frente.

Percebi que estava sendo ingrata com minha própria vida, vi que estava tudo errado e que aquela pessoa não era eu verdadeiramente. Após muitas mudanças obrigatórias, eu decidi que essa nova mudança seria por vontade própria, consciente e decidida.

Quando me perdi, me encontrei

A antroposofia entrou na minha vida através dos laços da amizade e nela vi sentido dia – após – dia, leitura – após – leitura, experiência – após – experiência.  Assim que a encontrei, encontrei também um curso chamado “Líder de Si”.

Não hesitei, mesmo sem saber se conseguiria pagar, se teria locomoção, se teria onde pernoitar, sem conhecer quem tivesse feito. Os encontros com essa família linda que me acolheu de braços abertos, aconteciam um final de semana por mês, durante o período de um ano. A cada encontro uma grata surpresa.

Nos braços dela me senti confortável, amada e protegida. E por isso consegui olhar bem fundo para dentro de mim. Em cada módulo usei uma lente diferente para ver quem era essa ‘eu’. Fucei nas esferas da minha origem, descobri como vim ao mundo, quem foi essa família de sangue que me trouxe até aqui. Descobri as forças zodiacais que atuam no meu ser, aprendi sobre os setênios e as leis espirituais presentes em todas as biografias, os processos vitais e a relação com meu físico e com a minha saúde.

Os meus ouvidos, que não eram assim tão atentos, viraram ouvidos de águia para captar todos os ruídos das histórias que eu ouvia. Partilhava também as minhas dores, apurava todas as informações em forma de arte. Brinquei de teatro, de ser escultora, pintora de aquarela, desenhista, escritora e até mesmo jogadora.

A cada encontro um sentimento maior de pertencimento surgia em mim, contando a minha história e ouvindo a história do outro, me vi refletida no outro. Os finais sempre cheios de abraços e uma palavra “pra mó de sarar” as feridas da alma.

Incontáveis foram os lenços que usamos, as gargalhadas que soltamos, os abraços que demos e as amizades que formamos.

Tem coisas que dinheiro nenhum no mundo paga e uma delas é ser eu mesma. Enfrentar o mundo de frente, olhar para a minha história e para mim com amor e gratidão, entender os que passaram por mim, os tombos que levei e conseguir olhar em frente, planejar e realizar o que sempre sonhei.

Módulo 01

  Após meu curso em Florianópolis, quis muito que as pessoas que eu amo tivessem acesso a esse curso e com a equipe maravilhosa da Inspire conseguimos trazer o curso para Joinville e agora temos vagas abertas para a segunda turma.

Não perca essa chance, invista em você!

12973458_811857282254372_5311794369567969444_o
Turma II Líder de Si – Joinville/SC
Começa nos dias 20 e 21 de agosto/2016
(48) 3065-9070 (48) 8410-1020 com Márcia
contato@liderdesi.com.br
Texto originalmente escrito para o site da Antroposofia Joinville ao qual eu faço parte.

Jéssica Juliana Commandulli

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s